Artigos com a Tag: "reposição"

Em pleno século XXI, os consumidores que vão ao supermercado ainda sentem fortemente o Poder de Barganha dos compradores na cadeia de suprimentos, que predefine quais produtos estão disponíveis nas prateleiras. Frequentemente, estes produtos não são os que o consumidor procura em um determinado momento. Por que isso ocorre? Uma das razões é a força do setor de compras do varejo que define produtos e fornecedores com base em premissas como quantidade, preço, condição de pagamento e parcerias comerciais, e não conforme o consumo real que resulte das preferências de marca do ...
Continue lendo

Gestão de categoria sob a ótica dos estoques

25 de May de 2012
por Vitor Angelelli
Diversos estudos ressaltam que baseado no seu perfil de consumo, os produtos dentro de um varejo podem ser divididos em quatro principais grupos, classificando-os como categorias, são elas: Categoria destino Compreendem os produtos que realmente fazem o consumidor dirigir-se até o varejo, são normalmente os produtos que aparecem nos tabloides dos varejos e com bons descontos, a fim de convencer o shopper a visitar tal varejo e não o do seu concorrente. Normalmente apresentam baixas taxas de lucratividade. Categoria rotina Essa categoria tem por finalidade completar a compra do co...
Continue lendo

Nível de Serviço | Satisfação do nosso Cliente

22 de Aug de 2011
por Camilo Manfredi
A grande maioria das empresas se preocupa e busca sempre um melhor nível de serviço ou fornecimento aos seus clientes. A intensidade de atendimento que nossos estoques permitem oferecer aos consumidores, quanto maior, menos perdas ocorrerão, mas em excesso vai consumir todo o fluxo de caixa em mercadoria parada na prateleira (prejuízos). Entender melhor a necessidade do fluxo de mercadoria esta diretamente proporcional aos custos e consequentemente aos lucros. O nível de serviço é vital para o desenho e estabelecimento das políticas de estoque, ele representa o quanto é desejado at...
Continue lendo
A frequência de reposição é um fator decisivo nos dias atuais e tem grande influência no correto balanceamento dos estoques e na satisfação dos consumidores. Muitos fornecedores tendem a reduzir a frequência de reposição considerando entregas de grandes volumes e em poucos caminhões. Esses fatores nem sempre trarão o melhor resultado devido a possíveis rupturas no mix de produto, atrasos nos processos de carga e descarga, redução na satisfação dos clientes / consumidores e na validade (frescor) dos produtos. O conceito do lote de reposição (estoque para “n” dias de...
Continue lendo
Nos dias atuais os níveis de estoque e a malha de distribuição são fatores decisivos para um melhor nível de serviço ofertado aos parceiros e clientes. Os níveis de estoque são gerenciados através de estoques reguladores, faixas de estoque e reposições programadas, já a malha de distribuição é desenhada com a preocupação de reduzir custos operacionais através de uma melhor localização geográfica, agilidade na entrega e questões fiscais. Cada vez mais indústrias e varejos estão partindo para construção e implantação de centros de distribuição com objetivo de agr...
Continue lendo
Nos dias de hoje a comunicação interna em uma empresa é peça fundamental para saúde e longevidade da operação. O que acontece em Vendas não é só importante para Vendas, da mesma maneira que informações da Produção não podem ficar apenas com as pessoas de Produção. Muitas empresas não se preocupam com o nível em que as informações estão sendo transmitidas e comprometem a comunicação interna de uma maneira a desalinhar toda operação e as estratégias empresariais. Isso ainda não considerando todo o trabalho operacional de ajuste nestes dados em que o recebedor é obrig...
Continue lendo

Relação Indústria & Varejo | Espaço de Prateleira

13 de Dec de 2010
por Camilo Manfredi
A relação Indústria & Varejo é um assunto muito interessante e que tem espaço para inovações e melhorias. A falta de informação, a falta de parceria, os desalinhamentos estratégicos atrapalham o fluxo da cadeia e prejudicam as vendas.     Um dos pontos que podemos trabalhar para contribuir com uma melhor relação é o espaço de prateleira negociado para que a indústria exponha seus produtos da forma mais atrativa. Existem maneiras de informar e atuar sobre este ponto. Como convencer o varejo que seu espaço é rentável? Variáveis como receita, volume ou lucro nor...
Continue lendo

Indústria e Varejo: Rivais ou Aliados?

19 de Aug de 2010
por NeoGrid Supply Chain
A resposta pode parecer óbvia num primeiro instante, entretanto o que temos visto é uma guerra incessante onde ambos acreditam que para que um ganhe é preciso que o outro perca. O Valor Econômico em sua edição do dia 07/06/2010 trouxe a matéria: “Varejo e indústria tentam sincronizar encomendas”, por Daniele Madureira. Esta reportagem trata da relevância na busca pela colaboração entre Indústria e Varejo, citando players como: Carrefour, Procter&Gamble, L'Oréal além de destacar o papel de uma empresa fornecedora de soluções que concorrem para este equilíbrio. Em ...
Continue lendo